História do Seguro

por Bradesco Seguros em 10/05/2018

14 de maio, Dia do Seguro

No dia 14 de maio comemora-se o Dia do Seguro, mas foi ao longo da história que esse serviço se tornou cada vez mais necessário em nossa sociedade. O surgimento da atividade é muito antigo, de séculos antes de Cristo, quando as caravanas atravessavam os desertos do Oriente para comercializar camelos e os cameleiros faziam um acordo de pagamento caso o camelo morresse no meio do caminho. Mas o primeiro contrato de seguro, de fato, parecido com o que temos hoje, foi feito em 1347, em Gênova, quando foi emitida a primeira apólice.
 
Há mais de 200 anos os seguros chegaram ao Brasil. Já o Dia do Seguro foi instituído em 1948 para estimular a aproximação entre os profissionais da área, realçar a importância do setor e destacar seu papel na proteção de famílias e patrimônios.
 
Desde então, houve muitas mudanças diante dos novos cenários. Com o advento das máquinas, desenvolveram-se outras modalidades, como o seguro de incêndio, de transportes terrestres e o de vida. A oferta de produtos se diversificou, bem como a maior concorrência trouxe benefícios para os consumidores. Hoje, a relevância do segmento vai muito além dos números, uma vez que o mundo moderno, como o conhecemos desde a Revolução Industrial, seria impossível sem os seguros.
 
A origem do seguro, portanto, se confunde com a história do próprio homem e sua necessidade de organizar-se para enfrentar as situações mais difíceis e se planejar para o futuro, afinal, a segurança é uma necessidade para qualquer pessoa ter uma vida mais realizada e tranquila.
 
Referências
1.Confederação Nacional das Empresas de Seguros Gerais, Previdência Privada e Vida, Saúde Suplementar e Capitalização (CNseg)
2.Federação Nacional de Seguros Gerais (FenSeg)
3.Conselho Nacional de Seguros Privados (CNSP)
4.Superintendência de Seguros Privados (Susep)
5.Tudo Sobre Seguros (www.tudosobreseguros.com.br)

Compartilhar